por José do Vale Pinheiro Feitosa




Viva junto à alma mais próxima e compreenda que a proximidade é a medida da distância. Que a distância que os separa é este movimento maravilhoso da matéria e da energia. A maravilha é apenas esta surpresa porque esta proximidade é tão diminuta entre os dois e é a inesperada distância.

José do Vale P Feitosa



quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Só para lembrar que somos nordestinos - José do Vale Pinheiro Feitosa

video
Só para recordar que somos todos nordestinos. Nascido em toda brecha que este chão inventou. Até em lajedo, nas rachaduras de seu espinhaço, nós somos mandacuru, xique-xique ou coroa-de-frade. Somos nordestino porque foi aqui que o Brasil começou. Foi daqui que todos nós amamos este imenso território, a linda amazônia onde desbravamos sua rede fluvial a cata de borracha. Ao extremo sul de onde recebemos todo o charque produzido nas charqueadas de Pelotas. Do Paraná onde abrimos a trilhas para a ocupação das terras roxas. Deste lindo e grande estado de São Paulo onde levantamos edifícios, criamos estradas, movimentamos as fábricas. Onde fomos ser sanitaristas e médicos especialistas da melhor ética que se pode imaginar a um profissional.

Só para lembrar que somos nordestinos, nos limites de Ponta Porã, no miolo do Centro-Oeste, somos este fazedor de riqueza. Somos esta ampulheta de inventar o futuro. Só para lembrar. 

Vamos cantar juntos! E junto vamos espantar estas carapanã que sugam nosso sangue.

video

Nenhum comentário: